Você está Aqui: Início

Perfil - Leonardo Baran: Ferinha do kart que pode ir representar o Brasil em Portugal

E-mail Imprimir PDF

( 2 Votos )

No ultimo sábado (21/04) a Copa São Paulo de Kart Granja Viana realizou a terceira etapa do maior campeonato regional de kart do Brasil, reunindo 240 pilotos em suas grelhas. Mais que uma simples rodada do certame, foi a forma de mais de duas centenas de velozes competidores homenagearem o inconfidente mineiro Tiradentes, que através de um movimento revoltoso pretendia estabelecer a republica no país, em 1792. Esse movimento, que tentava libertar o Brasil do jugo da coroa de Portugal, foi chamado pela história como Inconfidência Mineira.

Mas se Tiradentes foi um inconfidente (palavra que indica trair a confiança), foi justamente a “confidencia”, a confiança em seu bom desempenho e trabalho de ajustes nos micromonopostos pelas equipes, que renderam as vitórias nas provas disputadas.

Curiosamente, para o jovem piloto paulista Leonardo Baran (KartZoom/ Jani King/ Dolly/ Imóveis no Morumbi Transtimelog Logística/ CNV Vidros/ Maxi Rubber/ Multibox/ Comercial Moema/ Diamanfer Ferramentas) a historia parece estar traçando um caminho diametralmente oposto ao da história. Competidor da categoria RotaxMax Junior, Baran é um convicto confidente de suas habilidades e do competente trabalho da equipe Kart Zoom, fatores que lhe permitiram 100% de aproveitamento nas duas etapas já disputadas pela categoria nesta temporada.

Cumpre lembrar que, embora o certame regional paulista já esteja em sua terceira rodada, a RotaxMax Junior não integrou a grade de programação da etapa inicial desta “season”. Portanto teve apenas duas corridas, que resultaram em duas vitórias arrebatadoras de Leonardo Baran, que o colocam na posição de principal concorrente à conquista do titulo da categoria, como também, à conquista da vaga para representar o Brasil nas finais mundiais do RotaxMax Challenge, que terá vez entre os dias 28 de novembro e 01 de dezembro no Kartódromo de Portimão, no Algarve, região sul de Portugal.

Uma pequena conspiração celeste que pode fazer a coroa cair aos pés de um brasileiro em Portugal.

A vitória desta etapa não foi uma vitória qualquer. Foi um perfeito “hat trick” – pole, volta mais rápida e vitória – de Baran, que não deu aos demais concorrentes qualquer chance na RotaxMax Junior. Partindo da posição de honra em sua categoria – que compete em grid conjunto com a RotaxMax -, Baran largou bem e assumiu a liderança da prova em de sua classe, mas após receber um toque de um concorrente da outra classe ainda na volta inicial, Leonardo caiu para as ultimas posições e teve de partir para uma prova de recuperação.

Com um forte ritmo de prova e sua habitual tocada “clean”, extremamente dentro das regras do esporte e bonita de se ver (Leonardo nunca recebeu sequer uma advertência em todas as corridas que disputou), Baran foi superando um a um os concorrentes, para ser o primeiro a divisar a bandeira a quadros sendo desfraldada para a RotaxMax Junior.

Na etapa anterior, a segunda da temporada e inaugural da classe Junior da Rotax no certame em 2012, Leonardo Baran cravou a pole position não apenas em sua classe, mas também na “geral”, lembrando que as provas da RotaxMax e RotaxMax Junior realizam suas provas em grid único, com classificações em separado. Um feito e tanto, considerando que a pole position foi conquistada em disputa direta com pilotos muito mais experientes, alguns até com bagagem internacional.

Como nesta terceira etapa, o piloto da equipe KartZoom/ Jani King/ Dolly/ Imóveis no Morumbi Transtimelog Logística/ CNV Vidros/ Maxi Rubber/ Multibox/ Comercial Moema/ Diamanfer Ferramentas comandou as ações, estabelecendo a volta mais rápida da corrida e vencendo de ponta a ponta.

Por tudo isso, Leonardo Baran é um nome para se anotar cuidadosamente na “caderneta” e um piloto para se observar atentamente, pois é uma de nossas (boas) chances de futuro no automobilismo de competição.

Confira os cinco primeiros da RotaxMax Junior na terceira etapa da Copa São Paulo de Kart Granja Viana:

1.- Leonardo Baran, com 23 voltas em 20m18s719
2.- Rodolfo Rivero, a 2s929
3.- Pedro Cardoso, a 8s970
4.- Pietro Gugliemi, a 12s736
5.- Pedro Melicias, a 23 voltas
Pole Position: Leonardo Baran, com 50s295
Melhor Volta: Leonardo Baran 50.920

Quem é ele:

Nome: Leonardo Baran
Idade: 13 anos (22/08/1998)
Naturalidade: São Paulo (SP)
Categoria: RotaxMax Junior
Equipe: Kartzoom
Chefe de equipe: Vitor Chiarella
Numero do Kart: 22
Patrocínios: KartZoom; Jani King; Refrigerantes Dolly; Imóveis no Morumbi Transtimelog Logística; CNV Vidros; Maxi Rubber/ Multibox; Comercial Moema e Diamanfer Ferramentas
Escolaridade: 9º ano (ultimo ano do fundamental nível II)
Hobby: Handebol, Krav Maga (luta de defesa pessoal israelense) e Surf

Carreira:

2008 - Categoria Mirim Light na Copa São Paulo de Kart Granja Viana (pole e vitória na estréia)
2008 - Cadete - Copa São Paulo de Kart Granja Viana (a partir da quarta etapa)
2009
- Cadete - Copa São Paulo de Kart Granja Viana – 4º Colocado
2010 - Super Cadete - Copa São Paulo de Kart Granja Viana - 5º Colocado
2011 - Junior - Copa São Paulo de Kart Granja Viana – 14º
2012 - RotaxMax Junior – Líder do campeonato com 75 pontos em três etapas (pontuação máxima)
Corridas feitas: 38
Pódios: 16
Vitórias: 5
Melhor volta: 7
Melhor volta com vitória: 5
Pole, melhor volta e vitória: 3

As primeiras aceleradas

Convidado por um amigo, Leonardo Baran teve seu primeiro contato com um kart na pista de locação do Kart-In, em São Paulo. Recebeu várias batidas na bateria, que o deixaram assustado e com receio do esporte.

Um ano depois seus pais o levaram para um dos treinos dominicais da escolinha de pilotos do Kartódromo Granja Viana. Bem orientado, se divertiu e ficou imediatamente apaixonado pelo kartismo, o que o faz se tornar habituée das manhãs de domingo no circuito de Cotia. Durante esses treinos conheceu os irmãos Raucci, que se tornaram grandes amigos, lhe incentivaram muito e dando muitas dicas. Era o que faltava para o passo seguinte: No seu aniversario de nove anos, Leonardo foi presenteado por seus pais com seu primeiro kart.

A primeira corrida foi na categoria Mirim Light da Copa São Paulo de Kart Granja Viana. Uma estréia que chamou a atenção, pois foi com direito a pole position e vitória na corrida. Na segunda corrida de sua carreira, Leonardo repetiu o feito, outra pole e mais uma vitória.

A partir da quarta etapa da temporada, Baran optou por passar a competir na categoria Cadete. Era hora de iniciar o aprendizado em meio às (sempre) disputadíssimas provas da categoria, que reunia então um dos maiores grids do país.

Na temporada de 2009, Leonardo Baran passou a conquistar bons resultados nas provas da categoria, que lhe renderam pontos importantes e lhe permitiram e classificação para a disputa do titulo no play-off. Estava entre os dez melhores do ano e com a quarta colocação na tabela de pontos. A mesma posição em que finalizou o campeonato.

Em 2010 Baran começou a competir na Super Cadete, classe que utiliza o mesmo chassis da Cadete, porém equipado com um potente motor de dois tempos e 125cc. Para não variar sua escrita, a estréia na nova categoria foi com vitória, após largar na quarta posição, cair para o sexto posto e recuperar-se durante a corrida, para comemorar a chegada em primeiro lugar.

Como sempre, seus desempenhos exuberantes rendiam bons frutos nas corridas e Baran passou a figurar como um dos principais “candidatos” ao titulo de campeão da temporada. Mas três acidentes na reta final do certame acabaram tirando suas chances e Leonardo completou o ano com a quinta colocação final.

Era hora de um novo (e difícil) desafio. Para a temporada de 2011 Leonardo Baran foi promovido direto para a categoria Junior – sem passar pela Junior Menor -. Um kart maior, extremamente mais pesado e difícil de pilotar. Foi um ano profícuo de aprendizado, com conquista de pódios e troféus, mas, também, marcado por alguns problemas e acidentes que lhe ceifaram as chances de classificação para o play-off e a 14ª colocação final na tabua de pontos.

A temporada 2012 está em curso, com Leonardo Baran ingressando em nova categoria, a RotaxMax Junior, que adota os motores desenvolvidos pela empresa aeronáutica canadense Bombardier. A categoria é simultaneamente disputada em 53 países, que classificam seus campeões para uma final mundial. Na edição 2012 o RotaxMax Challenge Grand Finals será em Portugal, no belíssimo e moderno Kartódromo de Portimão.

Leonardo Baran lidera o campeonato, disparado na ponta. Já amealhou incríveis 50 pontos, o máximo possível de ser conquistado, com vitória nas duas etapas já disputadas. Novamente é o mais forte candidato ao titulo de campeão.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

{jcomments on}

Última atualização ( Sex, 27 de Abril de 2012 02:11 )